ABRAMPA se manifesta no Senado contra a reabertura da Estrada do Colono no Parque Nacional do Iguaçu

Por meio de Nota Técnica dirigida ao Presidente do Senado Federal e ao Presidente da Comissão de Meio Ambiente do Senado, a ABRAMPA posicionou-se contrariamente ao Projeto de Lei nº 61/2013, que pretende criar a categoria de Unidade de Conservação denominada Estrada-Parque e instituir a Estrada-Parque Caminho do Colono. 

O projeto de lei busca reabrir a antiga Estrada do Colono, localizada no interior do Parque Nacional do Iguaçu, fechada em 1986 por decisão judicial transitada em julgado.

Além de claramente ofender a coisa julgada, a proposição também produz sérios impactos socioambientais. Isso porque a reconstrução da estrada, hoje totalmente encoberta pela vegetação, implicaria o desmatamento de vegetação secundária do bioma Mata Atlântica em estágio avançado de regeneração, violando frontalmente o regime de proteção ambiental estabelecido pela Lei da Mata Atlântica e pela Constituição Federal, que elevou o bioma a patrimônio nacional. 

Além disso, é sabido que existe uma íntima relação entre a criação de estruturas rodoviárias e o aumento dos impactos ambientais no entorno, que tendem a se propagar para todo o ecossistema local. O projeto de lei contraria os objetivos de preservação e conservação previstos pelo sistema vigente de proteção das Unidades de Conservação e acarreta inadmissível retrocesso ambiental, na contramão dos compromissos nacionais e internacionais assumidos pelo Brasil de proteção ambiental e climática. 

Clique aqui e veja a Nota Técnica na íntegra.

 

Associação Brasileira dos Membros do Ministério Público de Meio Ambiente (Abrampa)
Fone: (31) 3292-4365
[email protected] 
Facebook: /abrampa.mp
Instagram: abrampa.oficial

Outras notícias

20/02/2024

ABRAMPA defende no STJ que a liquidação prévia individual ou coletiva do julgado não é requisito indispensável para o cumprimento de sentença condenatória genérica proferida em demanda coletiva.

Nesta semana, inicia-se, no STJ, o julgamento dos Recursos Especiais afetados pelo Tema 1.169, que definirá se a liquidação prévia do julgado é requisito indispensável ou não para o ajuizamento de ação que objetive o cumprimento de sentença condenatória genérica proferida em demanda coletiva. A fim de contribuir com o debate, a ABRAMPA apresentou ao […]

06/02/2024

ABRAMPA apresenta contribuições à consulta pública sobre o termo de referência para a elaboração de EIA/RIMA de usinas termelétricas

A ABRAMPA apresentou, nesta semana, contribuições à Consulta Pública aberta pelo Instituto Brasileiro de Meio Ambiente e Recursos Naturais Renováveis (IBAMA) sobre o Termo de Referência (TR) para elaboração de Estudo de Impacto Ambiental e Relatório de Impacto Ambiental (EIA/Rima) para Usinas Termelétricas. O documento apresentado inovou ao incluir, entre outros aspectos, a variável climática […]

05/02/2024

PROGRAMAÇÃO – XXII CONGRESSO BRASILEIRO DO MINISTÉRIO PÚBLICO DE MEIO AMBIENTE

Nos dias 24, 25 e 26 de abril de 2024, a Associação Brasileira dos Membros do Ministério Público de Meio Ambiente – ABRAMPA realizará o “XXII Congresso do Ministério Público de Meio Ambiente”, 100% presencial na cidade de Belém-PA. Na oportunidade serão discutidos, temas como: Amazônia e Mudanças Climáticas: uma atuação socioambiental estratégica e integrada; […]

Mídias Sociais
Desenvolvido por:
Agência Métrica