ABRAMPA emite Nota de Posicionamento Institucional sobre o Projeto de Lei Geral do Licenciamento

Objeto de grande preocupação, o Projeto de Lei nº 2.159/2021, que busca aprovar uma Lei Geral de Licenciamento Ambiental, na realidade fragiliza o licenciamento como instrumento da política ambiental. 

Em 2021, a ABRAMPA já divulgou uma nota em que destacou que a proposta normativa prejudica o desenvolvimento sustentável e a segurança jurídica, viola o pacto federativo e ofende o direito ao meio ambiente equilibrado, bem como os direitos dos povos indígenas, quilombolas e tradicionais. 

Além disso, em tempos de emergência climática, é inconcebível não haver uma única menção no PL à necessidade de as licenças sejam condicionadas a medidas de adaptação e mitigação. 

A ABRAMPA reitera o seu posicionamento anterior, mas vem a público exprimir especial receio quanto a um novo dispositivo do projeto, que versa sobre a responsabilidade civil ambiental das instituições financeiras.

A proposta simplesmente exime tais atores de responsabilidade por quaisquer danos ambientais decorrentes da execução da atividade financiada, desde que exijam a licença ambiental concedida pelo poder público. 

A proposta subverte a lógica da responsabilidade civil ambiental vigente, que classifica como potencial poluidor todo aquele que, mesmo indiretamente, contribui com a degradação ambiental. Também caminha na contramão da lógica da regulação financeira e bancária, que impõe deveres mais amplos de diligência das instituições financeiras, o que inclui a necessidade de uma análise mais alargada e prognóstica dos projetos financiados. 

Estas e outras razões estão descritas no documento que pode ser acessado, na íntegra, clicando Aqui

Outras notícias

22/05/2024

Seminário da ABRAMPA e ESMP/SE debateu soluções para a gestão de resíduos sólidos urbanos e celebrou o fechamento de lixões em Sergipe

O XIII Seminário “O Ministério Público, a Gestão de Resíduos Sólidos e Logística Reversa, e o Saneamento Básico”, realizado no dia 17 de maio, na sede do O Ministério Público do Estado de Sergipe (MPSE), abordou novas perspectivas e propôs soluções em prol de políticas públicas eficazes para o descarte correto de resíduos sólidos, a […]

20/05/2024

Adaptação climática das cidades é urgente

Diante do cenário atual das mudanças climáticas, que prevê que eventos extremos serão cada vez mais frequentes e intensos, é urgente aumentar a resiliência das cidades. Dados do Intergovernmental Panel on Climate Change (IPCC) revelam que, com a velocidade do aquecimento do planeta, medidas de redução das emissões de gases de efeito estufa, ainda que […]

Mídias Sociais
Desenvolvido por:
Agência Métrica